Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Contagem e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Contagem
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
29
29 JUN 2018
MEIO AMBIENTE
Contagem reconduzida à vice-presidência do Consórcio de Recuperação da Bacia da Pampulha
enviar para um amigo
receba notícias

O secretário municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Contagem, Professor Wagner Donato, foi reconduzido, por aclamação, à vice-presidência do Conselho de Administração do Consórcio de Recuperação da Bacia da Pampulha. Ele tem como seu suplente o superintendente de Controle Ambiental da Semad, Eric Machado. O órgão é composto por representantes do poder público, empresas públicas e privadas, universidades, associações de moradores e organizações não governamentais.

Em assembléia geral, realizada nessa quinta-feira (28), foi apresentado o balanço patrimonial da entidade, um resumo das atividades desenvolvidas e planejamento para o futuro. Ao final, tomou posse a nova diretoria, que tem como seu presidente o empresário Carlos Augusto, que cumprirá seu terceiro mandato.

Ele fala da importância do envolvimento do empresariado com a causa. “Não só o empresariado, como a sociedade civil toda tem que participar. Se deixarmos um tema do porte da Pampulha somente com o poder público, ele não vai ter a força que devia, pois é a sociedade que está lá, presente, no dia a dia. Houve uma época em que tínhamos mais de vinte empresas colaborando com um a dois salários mínimos por mês. Hoje, devido à crise, temos apenas três empresas colaborando. Nossa sorte é termos Contagem como parceira, que tem destinado recursos que nos permite continuar as atividades”, conta.

O secretário Professor Wagner confirma a informação. “Destinamos recursos provenientes de multas ou termos de ajuste de conduta que aplicamos a empresas infratoras. Esses recursos acabam financiando ações dentro da nossa cidade, já que somos responsáveis pela maior parte da água que chega na lagoa. Não existiria Pampulha sem Contagem”, completa.

Entidade civil de direito privado, sem fins lucrativos, o Consórcio de Recuperação da Bacia da Pampulha tem por objetivo primordial, como o próprio nome indica, a recuperação e preservação da Lagoa da Pampulha. Para isso, o consórcio centra sua atuação na bacia hidrográfica do Córrego do Onça, que engloba parte das cidades de Belo Horizonte e Contagem. É nessa última que se encontra a maior parte dos afluentes que formam a Lagoa da Pampulha. O órgão ajuda a desenvolver o planejamento regional, harmonizando as legislações e políticas urbanas e ambientais dos municípios e do Estado, além de ações práticas que resultam na recuperação de afluentes e da própria lagoa.

Seta
Versão do Sistema: 3.3.4 - 05/06/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia