Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Contagem e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Contagem
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
06
06 OUT 2022
DESENVOLVIMENTO SOCIAL
TRABALHO E RENDA
Alunos dos cursos de qualificação profissional recebem certificação do Centro de Formação do Trabalhador de Contagem
enviar para um amigo
receba notícias

Na tarde dessa quarta-feira (5/10), 130 alunos foram certificados após a conclusão dos cursos profissionalizantes ofertados pelo Centro de Formação do Trabalhador de Contagem - Cefort. Os cursos são direcionados a pessoas que buscam aperfeiçoamento profissional e/ou recolocação no mercado de trabalho e objetiva ofertar mais empregabilidade e qualidade de vida. Os certificados foram para os alunos dos cursos de pizzaiolo e massas; salgadeira e pães artesanais; bonecas de pano e feltro; e designer de acessórios.

A prefeita Marília Campos prestigiou os alunos e os motivou a sempre estar se qualificando, além de enfatizar que os cursos têm como intuito despertar novas habilidades, aperfeiçoamento, autonomia e possibilitando gerar renda para si e suas famílias. "Quero parabenizar a todos e dizer que este é só o começo. O começar é sempre mais difícil, mas espero ter boas notícias de vocês, não só na produção, mas também na comercialização. Certamente que vamos ampliar essa política, pois gera desenvolvimento e autonomia para as pessoas”.

A qualificação profissional faz parte de uma parceria por meio do termo de colaboração firmado entre a Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho e Segurança Alimentar e a Sociedade Cultural de Minas Gerais – SCRMG. “Essa união é importante para fortalecer, aprimorar, expandir e qualificar a Economia Solidária. Acompanhamos cada etapa desse processo, como a chegada de cada equipamento para, por exemplo, montar uma cozinha profissional para que possamos desenvolver um trabalho da melhor maneira possível”, disse a secretária de Desenvolvimento Social, Trabalho e Segurança Alimentar, Daniella Tiffany.

O presidente da Sociedade Cultural de Minas Gerais, Daniel Juvêncio Soares dos Santos, alegou que é satisfatório fazer parte dessa história de um importante equipamento público. “É gratificante ver a evolução desse local após mobiliarmos com uma cozinha industrial, além de conseguirmos revitalizar algumas máquinas de costura, e abrir outras salas para serem utilizadas para outros cursos no processo de formação. Queremos cada vez mais ampliar esse quantitativo de formandos e fortalecer realmente o processo de geração e trabalho para fazer uma economia solidária”.

Durante a cerimônia, a professora do curso de bonecas de pano, Larissa Amaral, deixou um recado para os formandos. “Estou muito feliz de estar aqui entregando o certificado para a minha primeira turma. O objetivo é que os alunos saiam daqui aptos a desenvolverem seus projetos e, a partir disso, vender seus produtos para ter uma fonte de renda. Que vocês possam transformar suas vidas por meio do artesanato”.

Uma das certificadas é Saionará Chagas, que também vende sabonetes artesanais na Feira da Economia Solidária. A contagense concluiu o curso de salgados e pães e artesanais. “Amei as aulas. Foi uma das melhores experiências desse ano. Foi muito bom conhecer as pessoas. A professora é ótima, e a didática também”. A aluna conta que, além de trabalhar na feira, ela cozinha para algumas festas. “Quando vou fazer moqueca, por exemplo, os clientes perguntam se sei fazer algo saudável, e agora vou ter mais opções e vai agregar muito nesse aspecto”, disse.

Também estiveram presentes no evento a subsecretária de Trabalho e Geração de Renda, Mara de Castro; o diretor de Qualificação Profissional da Subsecretaria de Trabalho e Geração de Renda, Thiago Chiodi.

Cursos 

As inscrições estão abertas para seis cursos de qualificação profissional, que juntos ofertarão 450 vagas. Confira abaixo os cursos que serão ofertados:

· Pizzaiolo e massas = carga horária de 24 horas

· Salgadeira e pães artesanais = carga horária de 24 horas

· Transfer (brindes personalizados) = carga horária de 40 horas

· Bonecas de pano e feltro= carga horária de 50 horas

· Designer de acessórios = carga horária de 24 horas

As vagas são destinadas a todos os moradores de Contagem (a partir de 16 anos), com prioridade o público cadastrado no CAD Único, Cras, Creas e empreendimentos econômicos solidários. Os cursos são totalmente gratuitos, de segunda a sábado, em turnos da manhã ou da tarde e serão certificados. As inscrições podem ser realizadas pelo link https://survey123.arcgis.com/share/486544e4235745cf90b67cb946bcd64e?portalUrl=https://geoprocessamento.contagem.mg.gov.br/portal  

Mais informações: (31) 3352-8020 

Clique aqui e confira a galeria de fotos.

Autor: Raquel Lopes
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia