Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Contagem e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Contagem
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
18
18 NOV 2022
DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO
Black Friday, Copa do Mundo e vendas de Natal aquecem comércio de Contagem
enviar para um amigo
receba notícias

A Copa do Mundo tem início no próximo domingo (20/11) e, cinco dias depois, acontece a Black Friday – evento comercial americano, incorporado pelo Brasil há 12 anos, que se tornou uma data com lucros significativos para o setor varejista brasileiro. Na sequência, inicia-se, no mês de dezembro, toda a organização do comércio para as vendas de Natal. Shoppings Centers e demais comerciantes criaram programações especiais para cada uma dessas datas, a fim de atrair mais clientes e aumentar um pouco mais suas vendas.

O Big Shopping, por exemplo, está preparando para a Black Friday uma grande campanha de incentivo às compras, pela adoção de parcerias com influenciadores digitais e divulgação em mídia tradicional. Além da campanha, haverá um empenho para preços bem baixos. “Nossos lojistas estão preparando grandes promoções, com descontos de até 70%”, explicou Alexandre Botelho, superintendente do Big Shopping.

Em 2021, a Black Friday movimentou R$ 20 milhões em vendas no mall. A expectativa é que haja um crescimento de 20% desse quantitativo. Apesar do expressivo volume de vendas, não acontecerão contratações para atendimento específico dessa data, além do reforço das equipes que ocorrem naturalmente nessa época do ano.

Paralelamente aos preparativos para a Black Friday, o Big Shopping também terá atividades próprias para os jogos da Copa do Mundo de 2022, que ocorrerá no Qatar. Eles organizaram um espaço especial para troca de figurinhas do álbum Copa do Mundo – febre entre crianças, adolescentes e até entre os adultos.

Nos dias dos jogos da seleção brasileira, a praça de alimentação ficará aberta e será equipada com cinco televisores grandes e dois videowalls – uma série de monitores conectados fisicamente em arranjo, formando uma grande tela.

Após as partidas terá início um show de samba e de pagode para embalar o público presente. “Nossa expectativa é garantir às lojas de festas, de vestuários, de artigos esportivos e aos restaurantes da praça de alimentação um acréscimo de 15% às suas vendas, pegando carona na Copa do Mundo”, disse Alexandre.

Já para o Natal, a decoração especial do Big Shopping foi inaugurada no dia 15 de novembro, com direito a chegada do Papai Noel. Foi um investimento total de R$ 200 mil na ornamentação natalina do mall. Em 2021, o faturamento no mês de dezembro foi de R$ 38 milhões. A expectativa é que o volume total de vendas seja 22% maior.

O ItaúPower Shopping também tem boas expectativas com esses três eventos no final do ano. Para a Black Friday, a rede de lojas do mall projeta descontos de até 70% sobre seus produtos, com promoções que englobam roupas, sapatos, móveis e eletrônicos.

Para alavancar as vendas, o ItaúPower Shopping também investe na experiência digital, por meio de campanhas realizadas em seus perfis nas redes sociais. “A ideia é que o consumidor fique por dentro dos descontos significativos antes mesmo de sair de casa”, disse Leonardo Andrade, superintendente do mall.

Para a Copa do Mundo, o ItaúPower Shopping também criou um espaço exclusivo, no segundo andar, para troca de figurinhas do álbum da Fifa. “Lá, crianças, jovens e adultos podem interagir com outros colecionadores e trocar seus cromos. Basta levar o álbum com as figurinhas repetidas”, disse Andrade.

Também será colocado um telão na praça de alimentação para transmissão dos jogos. “Os setores mais beneficiados com a Copa serão o esportivo e o alimentício. Atualmente, no ramo esportivo, o ItaúPower tem três grandes lojas, e uma praça de alimentação com 20 estabelecimentos entre restaurantes, cafés e lanchonetes”, pontuou Andrade.

No último dia 13 de novembro, o ItaúPower recepcionou o seu Papai Noel, que ficará no shopping até o final de dezembro. A chegada do bom velhinho foi comemorada com uma cantata de canções natalinas. Na Praça Central, onde ele ficará, o mall criou o Espaço Ho, Ho, Ho, onde os clientes podem visitar a biblioteca do Papai Noel, levar para casa uma obra ou doar um livro. Este ano o shopping foi decorado com o tema Contos de Natal.

Além de toda a decoração, o ItaúPower Shopping também sorteará um carro zero como parte da sua estratégia de atração de público. Tem direito a participar do sorteio clientes que fizerem compras acima da R$ 550,00.

O presidente do núcleo Contagem da Associação de Bares e Restaurantes - Abrasel, Rodrigo Coelho,  também projeta um crescimento entre 20% e 30% com a Copa do Mundo, somando a esse valor também os eventos corporativos de final de ano, em bares e restaurantes da cidade.

O presidente do Câmara de Dirigentes Lojistas - CDL Contagem, Frank Sinatra, estima um crescimento de 8% das vendas da Black Friday no município, em comparação com o ano passado, que totalizou R$ 22 milhões.

Já para as vendas de Natal 2022, a expectativa é que sejam movimentados cerca de R$ 390 milhões. “É uma fase muito importante para os lojistas. Ambas as datas recebem um planejamento próprio. A circulação das parcelas do décimo terceiro salário, a primeira paga em novembro e a segunda em dezembro, contribui muito para isso. Sabemos que o consumidor destina parte desse valor para o pagamento de dívidas e parcelamentos anteriores. Ainda assim existe uma demanda reprimida de consumo”, disse Sinatra.

Segundo estimativas do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos - Dieese, em 2022 o pagamento do 13º salário vai injetar na economia brasileira cerca de R$ 249,8 bilhões.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, René Vilela, destacou a importância desses eventos na geração de empregos no município. “Durante o ano, Contagem vem se destacando na criação de postos de trabalho com carteira assinada. De janeiro a setembro, foi registrada a criação de 9.041, quantitativo, que representa, comparativamente, 80% dos postos de trabalho em todo o ano de 2021, que totalizou 11.373. Na comparação com o município de Belo Horizonte, de janeiro a setembro, Contagem teve uma variação relativa percentualmente menor, registrando 4,64%, contra 4,79% da capital”.

A Prefeitura vem investindo no diálogo com as empresas instaladas no município para a contratação de trabalhadores que moram no município para as vagas de emprego na cidade. O Sine Contagem também oferece oportunidades de vagas em diversas áreas.

Em vendas, Natal é muito melhor que Black Friday

Em que pese a assimilação da Black Friday pelo mercado brasileiro, as vendas de Natal seguem sendo o carro-chefe do faturamento do varejo e do comércio das vendas de fim de ano. A empresa Betway Insider fez um levantamento comparativo nacional entre as vendas de Natal e as vendas da Black Friday, nos últimos seis anos.

Primeiro, pelo faturamento do e-commerce. De 2016 a 2021 as vendas durante a Black Friday somaram R$ 20,2 bilhões. Já o Natal faturou, para o mesmo período, R$ 68,6 bilhões. Ou seja, as vendas natalinas tiveram um faturamento três vezes maior.

Quando computado o faturamento das lojas físicas, shoppings e demais varejistas, a Black Friday anota R$ 12,09 bilhões, e o Natal R$ 756 bilhões – somando os seis anos. Nesse caso, o faturamento de vendas natalinas é 38 vezes maior que o da Black Friday.

Um detalhe: para a Black Friday foram anotadas as vendas realizadas na quinta e na sexta-feira. No levantamento da Betway Insider para as vendas em lojas físicas não consta o faturamento dos anos de 2016 e 2017 da Black Friday, porque não foram divulgados.

São várias as explicações sobre a predominância do Natal sobre a Black Friday. A primeira delas é que ela tem um número de dias de oferta menor que o Natal.

As compras da Black Friday também são assimiladas como gastos não obrigatórios pelos clientes, que tendem a fazer compras, nesse caso, baseado na sua percepção de desconto sobre um determinado item. Já as compras de Natal são percebidas como indispensáveis.

Nacionalmente, a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo - CNC projeta que a Black Friday crie uma movimentação de R$4,2 bilhões na economia brasileira. Já a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas - CNDL projeta que as vendas de Natal movimentem R$ 66,6 bilhões na economia brasileira.
 

WhatsApp Image 2022-11-18 at 12.02.45

Autor: Guilherme Jorgui
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia